linha de passe em araçatuba

Linha de Passe é um filme de muitas camadas. Walter e Daniela construíram um roteiro, filmaram e montaram cinco ou mais histórias que se entrecortam e interagem porquê são as histórias dos membros de uma mesma família.

    Há em todo o filme o sentimento de urgência e de insistência contra um universo hostil: a luta pela sobrevivência.

    Fui a Araçatuba (interior de São Paulo) essa semana para debater o filme com psicólogos e estudantes de Psicologia dentro de um evento promovido pelo Conselho Regional de Psicologia em comemoração pelo “Dia do Psicólogo”, 27 de agosto.

    Impactados pelo filme, conversamos sobre os personagens, sobre as filmagens e sobre a vida e seus desafios. O filme é denso e mostra personagens em situações limite. A sensação que me ficou depois de assistir ao filme dessa vez foi que é impossível não se equivocar. As coisas saem do controle e só vamos aprender experimentando. E assim é a vida.

    Foi uma honra para mim participar dessas comemorações porque penso que o psicólogo é um artista: sua arte é ouvir e acompanhar seus clientes e me sinto orgulhoso de ter participado de um filme que sirva para ampliar as reflexões e os pontos de vista desses profissionais tão dedicados.

    Um “Muito obrigado!” ao Éderson, a Regiane e a Tânia, que viabilizaram o debate e também ao CRP e à UNIP que estiveram envolvidos nesse evento.

    Vocês foram fantásticos!

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s